Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Lutar contra o excesso de peso #9

 

Na terça-feira foi dia de consulta na nutricionista. Tal como já esperava, os resultados foram os melhores dos últimos tempos. Desde a última consulta perdi 3 kg - que fazem um total de 8 em três meses que já tinha andado aqui a apregoar - e menos 2 cm na anca assim como menos 2cm na cintura, que é das maiores vitórias, essencialmente os da cintura que durante várias semanas não se alterava por mais dieta que fizesse.

 

Como disse aqui, deixei de tomar o drenante, achei que como continuava a beber água e a fazer xixi como se o mundo fosse acabar amanhã, que o drenante estava a mais. Parece que não estava: aumentei a retenção. Pobre nutricionista, enganada por mim disse que o drenante devia de estar a deixar de fazer efeito porque tinha aumentado imenso a retenção e que agora era para atacar com chá de cavalinha também. Mal ela sabe que deixei totalmente de o usar... Pelos vistos tenho de retomar a toma alternadamente com o chá a ver se volto a diminuir a retenção.

 

Não entendo o que posso fazer realmente para deixar de fazer retenção de líquidos... Bebo água, aumentei a quantidade de exercício físico... Deveria de ser suficiente.

 

Perguntei-lhe também como era possível os intestinos funcionarem pior agora que tenho uma alimentação muito mais saudável, indicou-me que acontece, que é comum, porque as gorduras e os açúcares acabam por provocar mais os intestinos, mas que perdemos elementos muito importantes, mas também garantiu que assim que o organismo se habituar ao novo tipo de alimentação que ficará tudo bem. A verdade é que eu dantes comia muito pão com sementes - que tem muitas fibras - e agora raramente toco no pão, imagino que seja uma alteração demasiado grande. A redução da quantidade dos hidratos de carbono no geral é também a grande responsável por esta maior dificuldade. Imagino que o facto de trabalhar o dia todo sentada que também não ajude...

 

Estive a ver os meus registos antigos de peso. Estou atualmente com mesmo o peso que tinha, quando em 2013 achando-me gorda decidi ir para o ginásio. Curiosamente apesar do mesmo peso, os restantes resultados são melhores: Tenho atualmente bastante mais massa muscular, lembro-me do choque do PT ao ver que eu estava abaixo dos 30, uma vez que o saudável nas mulheres é acima dos 35 - atualmente estou acima dos 40 -  e menos massa gorda, tinha na altura 46 e atualmente tenho 43 - o ideal é rondar os 20-25% lá chegaremos - e as medidas também são atualmente mais reduzidas, mas curiosamente o peso é o mesmo. É incrível como a massa muscular influencia o peso, e como não o podemos ver de forma desintegrada, porque em 2013 apesar de ter o mesmo peso que agora, estava bastante mais gorda do que estou agora.

 

Estou há três meses sem cozinhar com natas, de quando em vez lá compro umas natas de soja só para fazer um prato mais apetitoso mas a verdade é que eu punha natas e queijo em tudo e isso agora já não acontece. Custou, custou bastante, neste momento já estou habituada.

 

Perguntam-me o que me levou a colocar um ponto final no meu excesso de peso, o que mudou este ano que não tivesse mudado nos anos anteriores. Poder-vos-ia dar imensas respostas que vão desde a autoestima à roupa que eu gosto e não me serve. Mas foi essencialmente uma questão que me levou a tomar esta decisão mais afincadamente: Quero ser mãe em breve. Quero começar a pensar em engravidar, mas não assim, não com este peso, não seria saudável para mim, não seria saudável para o bebé, não seria saudável para ninguém. Primeiro quero ser magra, e depois quero ser mãe de forma saudável, tendo atenção regrada para não aumentar de peso depois. Sei que é possível, e eu vou conseguir. Torçam os dedinhos por mim porque eu vou conseguir!

 

Quando eu digo que vou ser magra é claramente uma brincadeira, porque eu não tenho corpo de magra, nem quando tinha 52kg eu era magra, a verdade é que eu tenho anca larga, tenho peito grande, tenho coxa rechonchuda, por isso eu magra não ambiciono ser, mas digo-vos, vou ser uma gaija boua! Ai vou! Quando entrar nos 30, terei o corpo com que ambiciono, e pronto para esse verão - não de 2020, como apregoo no instagram, mas de 2018!

 

Ainda estão a tempo de se juntar a mim! Acreditem, se a Mula preguiçosa e altamente gulosa está a conseguir, vocês também conseguem!

50 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.