Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Foi na loja do chinês...

 

Cá em casa somos fãs do canal Q, porque tem tanto de estúpido como de engraçado. A verdade é que o slogan diz que é um canal feito para quem não gosta de ver televisão, e é verdade. Até o Mulo, que não se rende ao ecrã plano que temos exposto no móvel da sala, se diverte com o que por lá passa. E este vídeo... está simplesmente genial!

Estou numa de escárnio e maldizer #3

sem nome.png

 

Recebi à pouco esta imagem por e-mail, e vamos lá analisar a mesma.

Ora vejamos, esta linda família é composta por:

 

  • Uma mulher com uns dentes perfeitos que se ri de boca demasiado aberta... 
  • Um homem que tenta esconder o seu tédio através de um fraco sorriso mal amanhado...
  • E por uma menina cujo sorriso parece dizer: "o que estou eu aqui a fazer, mesmo?"

 

Por tudo isto, esta espécie de publicidade, dá um ar de tudo menos de um Natal feliz, porque se esta família existisse realmente, quase que diria que é um casal à beira do divórcio, que tenta esconder a situação da filha - que pela cara, já sabe de tudo - e onde a mulher estaria a dizer baixinho: "vamos lá dar uma de família feliz para os outros não notarem!"

 

Por incrível que pareça, consigo mais facilmente imaginar esta imagem, num anúncio de violência doméstica... mas isso sou eu, que sou uma desmiolada e não sabe o que diz... 

 

De resto, acho a imagem linda, os actores lindos, e tudo, e tudo, e tudo!

 

Feliz Natal também para eles, e... já agora, que sou uma Mula educada: Boas vendas!

O que me faz seguir um blog... | Desafio Aventureira

A Aventureira é uma querida, a Mula não merece assim tantos elogios... Mas como elogio batido não é recolhido (é assim não é?!), a Mula agradece o crédito recebido, e como combinado, fala um pouco sobre blogs, sobre o que a faz seguir um blog, sobre o que gosta ou não nos blogs. Não irei escolher nenhum em particular, porque sigo muitos e muito bons, e acho que poderá ser mais divertido falar assim no geral.

 

blogs.jpg

 

A minha estadia aqui pelo mundo dos blogs é ainda muito recente e antes disso não tinha por hábito seguir blogs, lia-os, mais ao nível de beleza e lifestyle, quando procurava alguma informação em concreto, sobre cremes, vernizes e até mesmo sobre roupa e moda, mas aí, procurava nos blogs indiscriminadamente, através do google, e não pela qualidade e veracidade dos conteúdos apresentados. Com a chegada da Mula ao sapo, as coisas mudaram. Passei a seguir, diariamente um montão de blogs por tantas e variadas razões.

 

Gosto de blogs que me ensinem coisas e que me inspirem com belas histórias e emoções, mas gosto essencialmente de blogs que sejam próximos da terra, ou seja, que espelhem situações do dia-a-dia, que me façam rir, que me façam pensar, que me façam questionar a minha maneira de ver as coisas, ou seja, gosto de blogs que de alguma forma me toquem a alma. Gosto de blogs que me lembrem diariamente que somos todos mortais comuns e que coisas boas e más podem acontecer.

 

Gosto de uma escrita directa, sem papas na língua, gosto que falem de temas divertidos, gosto de decências e indecências, gosto de blogs como gosto da vida: divertidos e diversificados. Por exemplo adoro blogs com parvoíces, como é o caso dos famosos Por falar noutra coisa, o Quime(R)da e o Bumba na Fofinha. Fazem-me rir, não por só dizeres coisas parvas, mas porque dizem coisas parvas que acontecem realmente, no dia a dia. Gosto de humor.

 

E gosto, essencialmente de blogs bonitos. Se o conteúdo não agradar, nada feito, mas se o aspecto não agradar, o conteúdo tem que ser umas quatro ou cinco vezes melhor para que o siga. A verdade é que considero a parte visual muito importante, tal como um livro. Eu não consigo, por exemplo, ler um livro que se apresente muito velho, que tenha páginas já muito estragadas e que cheire a mofo, por mais interessante e bela que possa ser a história. Igualmente com a comida, se não tiver um aspecto minimamente agradável à vista, até pode ser bom, mas perco o apetite. Não tem de ser nada muito elaborado e cheio de design, até porque nem o meu é assim. Mas na minha opinião deve ter um layout simples, delicado e agradável e acima de tudo adequado ao tipo de conteúdo. Ainda assim, mesmo quando não gosto e o acho assim meio pindérico, não vou para lá gozar, e espalhar veneno. Nada disso. Sou contra os haters, se não gosto, não leio, não abro, não sigo. Haverá certamente quem goste e nunca se pode agradar a todos e a todas, por alguma razão temos, felizmente, gostos e objectivos bem diferentes.

 

É mais ou menos isto... Gosto essencialmente de blogs originais que espelhem um pouco do autor - anónimo ou não - no dia-a-dia do blog, porque só quando damos um pouco de nós é que podemos ser minimamente diferentes, dentro da igualdade e baixa criatividade que é ter um blog, quando se recebem estímulos e inspirações semelhantes.

 

E agora, só uma notinha: Sigo diariamente blogs que não comento e a minha ausência de comentário não significa ausência de leitura ou que seja mais ou menos interessante, só que quando não tenho nada a dizer, às vezes é preferível nada dizer do que inventar. E também é verdade que me sinto mais à vontade a comentar mais uns do que noutros... é como as casas dos amigos. Há algumas que me sento com modos e com cuidado, e noutras que me descalço e ponho os pés em cima do sofá à chinês, e não quer dizer que os outros amigos sejam menos amigos. É apenas uma questão parva inerente à condição da Mula! Mas no meu, faxabor descalcem-se à vontade e digam as parvoíces que pretenderem que aqui o curral tem tanto de chique como de pardieiro!

E destaco o momento alto do meu dia...

... O momento em que um cliente Israelita me tenta convencer a ir a Israel conhecer o seu filho, que é doutor, muito bom moço, loiro como eu, muito bonito como eu, e que precisava de uma mulher assim simpática, trabalhadora e bonita como eu...

 

- Do you think it's possible, to come to Israel, one day?

- Maybe one day...

- And... know my son?

-  I will get marry next year...

- Ooooohhh!... Your boyfriend is a Lucky Guy!!!

 

Até fiquei bem disposta com tanta bajulação... esqueci-me foi de vos dizer que esta conversa ocorreu depois de lhe fazer um bom desconto nos produtos que comprou e... é capaz de ser um dado relevante!

Hoje estou como o meu computador...

Sem Título.jpg

 

 ... com mau desempenho a tudo! Quero ir para casa! O fim-de-semana foi horrível... E depois quando se sabe que as férias estão próximas - vou tirar uma espécie de férias a partir de quarta feira - parece que o relógio não avança, que as horas não passam, e só sentimos o corpo a ficar molengão, a impaciência a brotar da flor da nossa pele. O nosso estômago começa as voltas, as dores de cabeça começam a aparecer, o nariz começa a ficar entupido... Quero ir para casa, já!

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.