Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

É como andar de bicicleta

Sinto que me mentiram toda a minha vida...

 

Imagem retirada daqui

 

 

Toda a vida ouvi a expressão: "É como andar de bicicleta. Nunca se esquece! " e descobri ao fim destes anos todos que isso não é verdade!

 

Desde miúda que andava de bicicleta, nunca tive dificuldades, comecei com as rodinhas mas rapidamente as tirei.. Como adolescente, continuei a andar de bicicleta e sempre me foi relativamente fácil, apesar das dores de rabo e pernas, iniciais. 

 

Entretanto passaram-se cerca de 15 anos sem que voltasse a dar uma voltinha, já que não tenho nenhuma. 

 

Um destes dias em casa de uma amiga pedi para dar uma voltinha na bicicleta dela. Tinha imensas saudades. A alegria, a emoção... O CHOQUE! Já não sei andar, gente! Já não me equilibro, já não sei curvar, já não tenho se quer confiança para tirar os pés do chão!

 

Toda a vida me disseram que andar de bicicleta nunca se esquece, descobri aos 32 anos que não é verdade! O pior é que ando com ideias de comprar uma pra voltar a andar, essencialmente agora que deixei o ginásio devido à pandemia... Mas... Não quero voltar a passar pelas quedas, pela taralhoquice que é reaprender a andar...

 

Então é agora? 

24 comentários

Comentar post

Pág. 2/2

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.