Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Vamos falar de cenas de gaja?

Menstruações, tampões e copinhos menstruais

Sou menstruada desde os meus 11 anos - imagino que folguem em saber esta informação - no entanto, só agora mais recentemente - desde há uns dois anos para aí - é que me consegui habituar a usar tampões. De quando em vez ia tentando mas a sensação era demasiado estranha, e como sabem a ideia é que nem sintamos que os estamos a usar e eu para além de sentir, ainda me magoava. De tanto tentar e insistir lá atinei com o bicho e hoje em dia é o meu absorvente de eleição. Muito mais higiénico. Não digo que seja mais prático, porque não acho nenhum método verdadeiramente prático e limpo, mas acho mais higiénico.

 

Entretanto, entre conversas de amigas, aconselharam-me o copo menstrual. Fiquei interessada e uma amiga até acabou por me oferecer um, o mais pequeno.

 

imagem retirada daqui

 

Como já uso muito bem os tampões, achei que ia ser fácil de usar o copo menstrual. Não podia estar mais enganada. Primeiro, sou das abençoadas com um fluxo mínimo. Não podia ser sacrificada em tudo, já sou castigada nas cólicas, nas dores de cabeça e de rins, mas em compensação sofro apenas 3 dias e chego a ter menstruações em que só tenho verdadeiramente fluxo, 1 dia, pelo que é possível que não tenha fluxo suficiente para o dito e é super desconfortável. Segundo, que até deveria de estar em primeiro: Como raio se coloca aquilo mesmo? Não achei prático e praticável e tentei das mais diversas formas. Terceiro, e o mais horrível de todos, e agora peço desculpa se estou a ser demasiado visual mas... Eu uso unhas de gel, ok? Não uso umas unhas gigantes, mas também não são rentes ao dedo. Conclusão... Tirem vocês as vossas conclusões. Por último: O vácuo que cria ao retirar!! Aqui já me explicaram que deveria de ter feito de outra forma, aceito... Mas continua a ser um não.

 

Ora, até pode ser sustentável e económico, mas não achei prático ou higiénico ou confortável. 

 

Sei que as opiniões são ótimas, que imensa gente aconselha, mesmo dentro do meu grupo de amigas, conheço imenso quem use, mas não creio que seja para mim. Não digo que não voltarei a tentar, já que os tampões também foi algo progressivo, mas enquanto me lembrar desta experiência, acho que não consigo pensar em tentar, se quer.

 

E vocês, falem-me de vocês: já experimentaram? Como se dão?

28 comentários

Comentar post

Pág. 2/2

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.